Seres humanos com características extraterrestres

Fico impressionado com as características de alguns humanos com evidencias extraterrestres positivas. O amor pelos animais e plantas e pela natureza como um todo, é um forte indício de ligação de almas uranianas e extraterrestes em geral com respeito ao Reino Animal e Vegetal. Leiam o que o Comandante Vitzo,  Comandante Tunia e o Arcturiano Keylux falam sobre o assunto. ” A vida na Terra acabará se não fizermos algo em breve em relação à natureza e os animais. A poluição dos rios e lagos afeta profundamente todo o ecossistema que altera a qualidade da vida como um todo. Temos tomado redobrado cuidado com nossas naves em policiar os excessos que são cometidos e vemos como isso ainda é pouco. Portanto, chegou a hora do grupo se unir as nossas naves extraterrestres para a preservação da Terra. Precisamos divulgar nossas idéias e nossos pensamentos antes de uma aparição definitiva. Para isso contamos com todos vocês que se identificam com o nosso povo e com o povo da Terra. Assim, o trabalho conjunto nesta galáxia nos levará a um futuro melhor.” ” A humanidade em geral não gosta que suas matas e animais sejam destruídos pelos próprios homens. Mas muitos homens fazem isso por dinheiro, e muitos, por maldade e desrespeito aos animais e plantas. Um uraniano pode se revoltar ao ver uma situação como esta acontecer diante de si e perder os limites, partindo para algum tipo de confronto ou no mínimo, um alerta contundente.” (Tunia. Falando com os Humanos)

Humanos não gostam de extraterrestres porque são criados desde pequenos para não amar aquilo que não conhecem a fundo. Desprezam animais e plantas, sucateiam o planeta, corrompem para obter lucros pessoais e violentam seus próximos, matando homens, mulheres e crianças. Disso tudo vocês já sabem. E sabem também que nem todos os humanos são assim, porque estes humanos são mais “civilizados”,  podemos dizer.

Somos todos irmãos interplanetários por mais que vocês não acreditem nisso, e a aurora virá, um novo tempo virá onde pessoas, animais, plantas e extraterrestres como eu serão cuidados
humanos e soterra-la porque nós não sabemos o que é a maldade entre os mesmos membros de Arcturus. Sabemos o que é a maldade porque sempre somos parceiros dos humanos em suas aventuras e sabemos que entre vocês, existem humanos que se sentem verdadeiros extraterrestres diante das maldades humanas.

Estas fotos de interação entre um guarda florestal e os animais de uma reserva africana de Lanseria, na Africa do Sul, enviadas pelo leitor Edson Luiz Cuba, mostram o nível de afetividade entre animais selvagens e um homem, que possivelmente possui uma alma extraterrestre. Veja mais opiniões dadas pelo Arcturiano Keylux :
Tunia. Ajudando na ativação terrestre

“Somos incapazes de proliferar no mal porque nosso dna não coincide com o dna humano, onde percebemos camadas profundas desta característica negativa. A maldade não tem nenhum significado para nenhum extraterrestre que comungue com as altas elevações vibratórias. Simplesmente não sabem o que é, do que se trata. E se vidas extraterrestres caírem em mãos humanas do mal, podem simplesmente ser retalhadas e colocadas em um latão frigorífico como muitos humanos fazem com os pobres animais.” Ele pergunta: “Eu gostaria muito de saber para que serve a ambição humana à não ser para matar o próximo, desmatar florestas, aniquilar vidas humanas e de crianças, velhos e animais. De que serve a ambição humana, a não ser para buscar a qualquer custo o dinheiro e o poder desmedido. De que serve tanta ambição se nada é construído para o futuro de uma nação interplanetária que aspira momentos melhores para o planeta Terra? Em “Vitzo. 300 Perguntas”, o uraniano vai mais longe:   

5. Sei que existem uranianos em corpos terrestres aqui na Terra. Gostaria de saber se entre eles, existem os que já saíram da amnésia, se conseguem lembrar quem são e se já fazem algum trabalho em parceria com os uranianos? E que tipo de trabalho seria este? Sim, eles existem, mas a grande maioria de nossos compatriotas ainda navega na escuridão da amnésia profunda causada pela reencarnação terrestre. Outros lutam para sair porque foram alertados e possuem a consciência de que não são daqui. E outros poucos produzem materiais permitidos pelo Todo para a conscientização necessária dos humanos que possuem afinidade suficiente com as verdades uranianas e verdades universais. Estes seres humanos sofrem com o desvario das guerras e com a cegueira universal, preferindo a convivência com seres animais, que possuem a mente evoluída no que diz respeito à consciência universal. Seus instintos provam isso.

Em “A Filha das Estrelas”, Zyllia, uma felina com genes humanos fala sobre a ligação com os animais: Zikats preferia estar em meio à mata para evitar ser pego de surpresa em uma grande cidade. Na Amazônia, Zikats sentia-se

bem e seguro. Zyllia mostrava grande interesse pelos animais e plantas. Um dia, a família foi surpreendida por uma visita inesperada. Uma grande e bela onça pintada se aproximou perigosamente da casa da família do homem tigre. Zyllia estava no quintal, brincando de dar cambalhotas a dez metros de altura, e viu quando a onça se aproximou. A onça rosnou para Zyllia. Ela ficou a sua frente. Implacável, estática, olhando nos seus olhos. Aproximou-se. Abaixou a cabeça. Foi aos pés da menina onça. Brincando de barriga para cima como um pequeno gato.

Anúncios

Uranianos presentes no novo livro de Fabio Del Santoro

Felinos. Amigos dos Uranianos

A FILHA DAS ESTRELAS  é um livro que fala  sobre o nosso comprometimento genético com a raça de extraterrestres conhecidos como FELINOS. Mas como não poderia deixar de ser, porque existe uma coerência em tudo o que é realizado no Todo, os uranianos também possuem uma breve passagem. Nela, um dos uranianos presentes em uma reunião do Comando Estelar, dá sua opinião em relação a medidas que devem ser tomadas quanto a um determinado evento que é narrado em A FILHA DAS ESTRELAS. Vejam o trecho:

Um uraniano de nome Vhamur, completou, afirmando ter temor quanto a uma nova era de retaliações entre Glaskar e o Comando Estelar. “Isso acabará acontecendo mais cedo ou mais tarde. Em nome dos seres de Urano, congratulo o comandante Yori, mas acreditamos que será desnecessário mantê-lo aqui em prisão. Quanto ao ser de nome Zyllia, concordo que deva ser criada para fins pacíficos e não para a guerra.”

Em outra passagem, vemos uma descrição bastante interessante sobre a função dos uranianos no universo.

“Os felinos são muito responsáveis por toda a guarda genética que existe por trás da mudança. Os povos do espaço foram chamados um a um para trabalhar nesta batalha contra os mais arraigados templos humanos, que agora não cresciam mais como no passado.

Uranianos cuidavam das sobras genéticas da natureza humana. Possuíam toda a diversidade das florestas em suas naves, guardadas a sete chaves pelos seres azuis, dispostos a colaborar com o replantio de espécies já deterioradas pelos humanos. O trato desta genética natural era tão importante, que uranianos já se deslocavam mais e mais entre os pólos da Terra do que há cinqüenta anos. Uranianos sempre fizeram parte do Todo. Colaboravam em segredo para a evolução do planeta Terra preservando a evolução genética natural de sua flora e fauna.”

A FILHA DAS ESTRELAS é um livro recheado de novas informações, mostrando a complexidade da vida no universo e como os felinos estão presentes em nossas vidas de forma integral. Nosso desenvolvimento genético está ligado diretamente ao desenvolvimento deles, que já habitam a sexta dimensão.

Espero que vocês gostem de mais este trabalho feito com a permissão do TODO.