Uma nova alma uraniana se revela

Marcia e Rosa diante de uma nova descoberta

Eu tenho recebido muitos e-mails de pessoas que me solicitam que as ajude a descobrir sua origem extraterrestre. Eu tento explicar a elas que meu método de trabalho é para todos, nada em particular. E porque? Porque cabe a pessoa que está na Terra buscar por si mesma a sua origem. Para isso, é bom que ela se conecte com o conhecimento uraniano que está ao alcance de todos.  Seja em meus livros, blogs, sites e também no Programa Vozes do Universo. A amiga Márcia Ferraro, paulista, tinha uma intuição muito forte de que teria uma origem uraniana. E ela progressivamente começou literalmente a “correr atrás” de informações seguras e confiáveis sobre uma possível origem uraniana. Eu geralmente sou avisado de alguma forma quando alguém de origem uraniana se aproxima de mim, e não foi diferente com a Márcia. Mas eu não poderia de forma alguma pressioná-la a acreditar nisso, ou em qualquer outra coisa. Aos poucos, ela começou a ler meus livros que narram experiencias uranianas. Veja como tudo aconteceu, com suas próprias palavras.

Uraniana captada por Rosa Teulb

(Márcia): ” Desde pequena sentia uma imensa saudade de alguma coisa ou lugar e não sabia explicar isso para ninguém. Ficava horas no quintal de casa olhando para o céu , pensativa. Amava a água, as piscinas e parecia respirar debaixo d’água, onde eu gostava mesmo de ficar. Aquele mundo mais silencioso, diferente e azul. Adoro essa cor. Sempre tive algumas sensações de coisas que iriam acontecer. Descobri que sou médium de cura e para meu equilíbrio preciso trabalhar com isso. Me iniciei no Reiki e não pretendo parar mais esses estudos. Entrei na Portal (Comunidade Portal Mundo Invisível) há três anos, procurando respostas para estranhos sonhos que estava tendo com naves e a transição do planeta. De cara me identifiquei com o povo de Urano. O Todo sabe o tempo de cada um. Aprendi a respeitar. Mesmo assim, antes do horário marcado com a Rosa Teulb para 11/11/2010 eu fiz profundas respirações, me concentrei e pedi para que se mostrasse um Ser de Urano, se fosse permitido. Isso me daria uma grande alegria, conforto e forças renovadas.

A Rosa pegou minhas mãos e disse que a energia era muito forte, ficou meio tonta até. Disse ainda que havia outra energia, também forte, possivelmente um Mestre. Sentiu um “apito” no ouvido direito. Durante o processo, que durou umas duas horas e meia, eu sentia ondas de emoção muitas vezes e a Rosa dizia que o Ser estava emocionado. Uma emoção confusa (como eu já disse para a Cris Reik . Acho que sou a uraniana mais confusa do Universo!).Quando ela pintou a boca no papel, a minha boca ficou

energizada, formigando. No final “Ela” queria a minha corrente com o pingente azul na pintura. A Rosa disse que desde que eu cheguei lá não conseguia parar de olhar o colar, como se a energia já a estivesse direcionando.

No carro eu disse para o meu marido: “Sou eu!” Ele disse que também achava. A Rosa hoje disse a mesma coisa.

Eu senti que sou parte dessa turma desde que entrei na Portal. Os livros me emocionaram, mas no Conexão 2, chorei de emoção por reconhecer muitas das sensações descritas.”

De minha parte, fico intensamente feliz. Estamos chegando a algumas conclusões materiais da participação uraniana no sistema da Roda Cármica da Terra. Todos os que possuem almas uranianas estão descobrindo aos poucos, mesmo de forma inconsciente, que estão sendo de certa forma atraídos para um novo patamar da realidade. Como seres planetários, nós estamos caminhando para uma nova realidade. E estes seres humanos que estão despertando, podem descobrir e acessar sua família cósmica. Este é o momento. Agradeço a Márcia por ter se dado a oportunidade de ler meus livros, de participar ativamente na comunidade Portal Mundo invisível e Livros de Fabio Del Santoro, e de acompanhar este blog como parte de seus estudos. Sua alma uraniana estava certa. Mais uma vez agradeço a Rosa Teulb por tornar este árduo trabalho de conscientização e abertura de mentes, mais bonito e agradável. Meus parabéns a todos que estão buscando a verdade de suas vidas de forma livre e espontânea.  Sem dúvida, uma forma uraniana de ser.

Anúncios